14/06/2024 +55 (83) 98773-3673

Entretenimento e Relacionamentos

Andre@zza.net

Repórter de TV caiu de prédio ao fugir de extorsão, diz site

Caso segue sendo investigado pela Polícia Civil

Por Redação 30/05/2024 às 12:24:35

Foto de jornalista segurando microfone (Imagem ilustrativa) Foto: Freepik

O repórter da CNN Brasil que caiu do 3° andar de um prédio na Asa Norte, em Brasília, teria sofrido o acidente ao tentar fugir de um astrólogo que queria extorqui-lo. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (30) pela coluna Na Mira, do site Metrópoles, que não citou, porém, o nome da emissora. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).

De acordo com a coluna, o astrólogo e o jornalista marcaram um encontro sexual por meio de um aplicativo gay. Nas conversas, a vítima chegou a perguntar se a pessoa com quem se encontraria era garoto de programa, o que foi negado. Já dentro do apartamento do astrólogo, o jornalista teria se desesperado ao ver que a porta do imóvel tinha sido trancada.

Ainda segundo o veículo, o astrólogo teria afirmado que só deixaria o repórter ir embora apenas se ele pagasse a quantia de R$ 500. O jornalista então teria tentado passar da varanda do terceiro para a sacada logo abaixo, no segundo pavimento, mas escorregou e sofreu a queda. Na última terça (28), o repórter passou por uma cirurgia na bacia, onde alguns pinos de titânio foram fixados.

SOBRE O CASO
O repórter da CNN Brasil, cujo nome não foi divulgado oficialmente, caiu do 3° andar de um prédio no último dia 23 de maio, em Brasília (DF), após sair no meio do expediente para ver uma pessoa com quem ele havia marcado um encontro em um aplicativo de relacionamento. De acordo com o site Metrópoles, o jornalista teria ficado gravemente ferido após cair de uma altura de mais de 12 metros.

De acordo com o portal Leo Dias, o repórter em questão até chegou a fazer uma aparição no telejornal Novo Dia, por volta das 6h da última quinta, mas não voltou a aparecer na programação, nem foi visto posteriormente na redação de jornalismo.

Fonte: Pleno News

Comunicar erro
Comentários