29/05/2024 +55 (83) 98773-3673

Cidades

Andre@zza.net

VÍDEO: bispo publica vídeo antes de morr3r no RS: "temos tempo para tudo"; VEJA

Por Blog do Elias Hacker 16/05/2024 às 09:58:31

Reprodução

Em 1º de maio, o bispo Dirceu Milani, de 63 anos, perdeu a vida em um deslizamento de terra que atingiu a Ponte Ernesto Dornelles, na BR-470, entre Bento Gonçalves e Veranópolis, no Rio Grande do Sul.


Minutos antes do incidente, Milani gravou um vídeo, enviado à família, relatando a situação crítica em que se encontrava.

Detalhes da Tragédia


Dirceu Milani, natural de Garibaldi e residente na mesma cidade, liderava, junto com seu pai, Darcy Milani, a Igreja Católica Apostólica Conservadora Não Romana, embora não fosse afiliado à Igreja Católica Apostólica Romana.

No vídeo, Milani descreveu que ele, o motorista Adailton Gadelha (frei da igreja) e o padre Maurício Costa estavam "ilhados na subida do Rio das Antas", devido aos deslizamentos de barreira, impossibilitando tanto o avanço quanto o retorno.

Ele mencionou também que vários veículos estavam presos na mesma situação e que estavam "sem comunicação com ninguém".

Milani e seus companheiros estavam a caminho de São Domingos, no Oeste de Santa Catarina, onde ele encontraria os pais e celebraria uma romaria no dia 4.


Após descerem do veículo, buscaram abrigo no Restaurante e Pousada Colao, próximo à cabeceira da ponte, onde foram atingidos pelo deslizamento. Milani foi resgatado com vida, mas faleceu pouco depois devido a complicações respiratórias, possivelmente causadas por pulmões perfurados.

O frei Adailton sofreu uma fratura na clavícula, mas conseguiu ajudar no resgate de outras pessoas, enquanto o padre Maurício, com uma perna quebrada, passou por cirurgia e teve que retirar o baço, mas sobreviveu.

Despedida e Homenagem

A despedida de Dirceu Milani começou em Garibaldi, no dia 6, com o caixão sendo transladado para Vila Milani, em São Domingos, onde a igreja da família está localizada.

Dom Lucas Henrique, da Igreja Católica Apostólica no Brasil, que conhecia Milani há mais de 10 anos, lamentou a perda, destacando a inteligência, fé e oratória do bispo.

Dirceu Milani é uma das 39 vítimas das chuvas intensas na Serra, segundo a Defesa Civil.

O relatório mais recente, divulgado nesta terça-feira (14), informa que sete pessoas ainda estão desaparecidas.

Essa tragédia reflete a gravidade das enchentes que afetam a região, causando perdas incalculáveis e impactando profundamente as comunidades locais.

Fonte: terrabrasilnoticias.com

Comunicar erro
Comentários