14/04/2024 +55 (83) 98773-3673

Cidades

Andre@zza.net

Nunes vê atos de ministros de Lula como uso da máquina pró-Boulos

Por Blog do Elias Hacker 04/04/2024 às 08:33:45

São Paulo – Prefeito da capital paulista e pré-candidato à reeleição, Ricardo Nunes (MDB) viu em ações recentes de ministros do governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT) o uso da máquina federal em favor da pré-campanha do deputado federal Guilherme Boulos (PSol), seu principal adversário nestas eleições.

Ao deixar o evento de filiação da vereadora Janaína Lima ao PP, na noite dessa quarta-feira (3/4), Nunes foi questionado sobre a abertura de um processo administrativo contra a Enel anunciada nesta semana pelo ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira (PSD), e discutida por ele com Boulos ao telefone.

Nunes disse que Silveira "não fez absolutamente nada desde o dia 3 de novembro", em referência ao temporal que provocou um apagão e deixou milhares de pessoas sem luz por dias na Grande São Paulo, incluindo a capital.

Na ocasião, Nunes pediu à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para cancelar o contrato de concessão com a Enel, concessionária de energia elétrica, pela falha na prestação de serviços. O prefeito alfinetou Silveira pela demora em investigar a Enel.

"Ele [Silveira] não tomou nenhuma atitude e isso compete ao governo federal. E agora, ele chega e faz um ato desses, político, em cima da dor das pessoas, do sofrimento das pessoas", afirmou o prefeito.

Questionado se considerava a decisão do ministro de Minas e Energia uso da máquina federal em favor de Boulos, Nunes disse que sim, e emendou citando a presença do pré-candidato do PSol ao lado do ministro da Educação, Camilo Santana, no lançamento de um programa de combate à evasão escolar, na manhã dessa quarta, na capital.

"Hoje mesmo [quarta] eu soube que teve um evento aí com o ministro Camilo, onde levou o Boulos. Isso deixou, inclusive, incomodadas algumas pessoas do governo do Estado e da Prefeitura", disse.

O evento não contou com as presenças de Nunes, do governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) e do secretário estadual da Educação, Renato Feder. O titular municipal da pasta, Fernando Padula, esteve no local, mas não discursou.

O Metrópoles publicou que parte da estratégia de Boulos para atrair eleitores de Lula inclui ampliar a participação em agendas junto de ministros do governo petista na capital.

Fonte: agoranoticiasbrasil.com.br/

Comunicar erro
Comentários